E ainda falando em coldres…

Olha só o que aconteceu com esta pessoa, devido a utilização duvidosa de um coldre.

O material até que deveria ser respeitado, pois é de couro(mano!), ainda mais pela marca, a GALCO Holsters; mas aquela pequena dobra causou um “pequeno” estrago na perna dessa pessoa.

Achei no site da GALCO o modelo de coldre que veremos abaixo.

Presumo que algo não deu certo.

Tudo indica que a pessoa ficou bem, mas, poderia ter sido pior!

 

 

 

 

Créditos das fotos para quem as produziu.

Fonte: recebi por email de um amigo!

Arma no coldre e gatilho pressionado.

 

Trajetória do disparo.

Em detalhe.

O ferimento foi causado pelo disparo ou pela expansão dos gases?

VIsão interna do coldre. Aparentemente funcional.

Outra visão da arma no coldre.

FORÇA E HONRA!

Anúncios

Tags:, , , , , , , ,

About Carlos Melo

Especialista em Segurança Pública, formado pela Academia de Polícia Militar de Brasília (APMB, 1997). Exerceu cargo na Polícia da ONU (UNPOL) na Missão das Nações Unidas em Timor Leste(UNMIT -2008 e 2009), onde trabalhou em ações de investigador. Instrutor de alguns cursos na PMDF, dentre estes, do Curso de Operações Especiais, especialista em técnicas e táticas de resgate de reféns, tiro policial e gerenciamento de crises. Também ministrou palestra vários organismos públicos e privados, sobre ameaças de bomba e seqüestro relâmpago. Especialização Inteligência Estratégica e segurança da informação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: